Alguém pra conversar.

Data: 28.06.2016  Categoria: Pessoal  Leitura: 2 minutes 

Que saudade que eu estava de conversar sobre qualquer coisa com alguém. Não conversas vazias, eu queria boas conversas. Conversa vazia a gente encontra em qualquer lugar, eu precisava de conversa sobre tudo ou sobre o nada, mas não vazia. Só você consegue me dar isso.

Um dos motivos da minha reclusão das pessoas e amizades foi esse. Eu estava cansada, cheia, me sentindo pesada. Sensação de incomodo mesmo, como quando você come muito mas não se sente feliz, sente que a comida fez mal e precisa tomar remédio pra aliviar. A reclusão foi meu detox, minha reeducação alimentar.
E foi exatamente assim que me senti em relação às pessoas.

Eu sentia saudades de conversar com alguém sobre as coisas que estão ou não acontecendo: polarização política, feminismo, estupro, um livro, certo e errado, um programa de televisão, meu seriado favorito e o que você acha dele. É difícil encontrar alguém que te ouça sem brigar, te ouvir de verdade, pensar por outro ângulo e te fazer pensar também. É difícil encontrar alguém que você não queira fazer calar a boca enquanto ela fala. Ouvir sobre como foi o dia, os problemas…
Já estava bem cheia de ter que ouvir sobre o último cara que a amiga pegou, o tamanho do pau dele, as confusões e – como os pinguins de Madagascar – sorrir e acenar. Fingir que está interessado em alguma conversa demanda muita energia e eu já estava sem mana pra isso.

madagascar

[Imagem da capa retirada de Narga-Lifestream]

Comentários

Be kind / Be nice

  • Hey, Pretty Girl! Saudades de vc. Trabalhei no mesmo lugar que vc, mas, tivemos pouco tempo para trocarmos ideias. Tenho lido sobre suas eloquências e tenho achado interessante seus pontos de vista. Relutei um pouco antes de usar este canal para me comunicar, mas, acho que é um ótimo lugar para trocarmos ideias. Espero que esteja bem e não demore de ver o post. Sou bom ouvinte e poderemos debater sobre assuntos de seu interesse, sem a necessidade de saber quem tem razão. Trocar ideias pode ampliar ou até mudar nossos pontos de vistas. Beijo.

    • Poxa, sério que trabalhou no mesmo lugar que eu? Não me lembro de você, me desculpe.
      Mas pode passar sempre por aqui sim! Sempre que possível vou responder os comentários.

      Obrigada pela visita! =D
      Beijos.

      • Olá, Que rápida. Eu fui gerente do Call Center e faz um ano que sai da empresa. Tivemos pouco contato, pois, o seu projeto não atendia os projetos que fiz gestão. Eu tinha maior contato com a Ingrid e com a Amanda Talvez, você lembre agora. Ficamos mais próximos mais no final de minha estada na empresa. Carpe diem para você. Beijo.

      • O tempo voa e é preciso aproveitá – lo. Facebook, Facebook é zona de conflito. Normalmente, não adiciono pessoas do meu âmbito de trabalho ou trabalhei. Não pela pessoa em si, mas pela rede que ela tem. Há pessoas que aproveitam a porta aberta para vasculhar sua vida. Acho que vc me entende, não é?

  • Deixe uma resposta

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

    CommentLuv badge

    %d blogueiros gostam disto: