Não sou uma coisa só

Data: 07.11.2016  Categoria: Pessoal  Leitura: 1 minute 

-O que você tem?
-Nada.
-Você está quieta hoje.
-Só estou quieta.
-Você não é assim.
-Ninguém é uma coisa só o tempo todo.

Ninguém precisa sorrir ou fazer palhaçada o tempo inteiro. Cada um tem a sua característica marcante, mas isso não anula nenhuma outra.
Ninguém precisa estar bem todos os dias e ninguém precisa de motivos pra estar feliz ou triste. Às vezes apenas estamos. E se é às vezes não há problema nenhum.
Tem dias que a gente acorda mais abatido mesmo, é normal. Não preciso ter motivos e nem sempre eles existem. E quando existem eu nem sempre sei quais são.

Tem dias que acordo com vontade de me comunicar mais com as pessoas, em outros eu quero distância do mundo.
O problema é que eu não gosto de gente abelhuda. Aquele tipo de gente que chega no meio de uma conversa e da palpite sem saber direito do que se trata. Não gosto de gente que faz comentários mais pesados ou polêmicos sem que alguém os peça. Não gosto.

Às vezes tô mais pra lá do que pra cá. Ninguém anda no meio da linha o tempo todo.

Comentários

Be kind / Be nice

  • As pessoas não gostam de mudança, precisam que sejamos estáticos, sempre com o mesmo bom humor porque assim elas não precisam nos “decifrar”. Porém, é como você colocou no título do post: “não sou uma coisa só”e, ninguém é!

    • Você voltou! Que bom!!!! Fiquei tão feliz de ver você por aqui!
      =D Volta maaaaaaaais!
      Você dizendo que as pessoas precisam que nós sejamos estáticos me fez pensar que é verdade, é mais cômodo o contato com uma pessoa assim.

  • Deixe uma resposta

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

    CommentLuv badge

    %d blogueiros gostam disto: